gazeta2.jpg (8041 bytes)

A vida consiste em viver, amar e aprender

Aquiles Moisés dos Santos

Todo ser humano deseja ardentemente a felicidade, esse bem que cabe em qualquer lugar, mas as pessoas, sem o perceber, em vez de atrair a felicidade atraem a infelicidade.

É muita gente mesmo neste nosso Planeta que desconhece o valor do pensamento, o valor das palavras e vai pela vida afora afirmando coisas que parecem simples e sem nenhum valor, mas que podem acarretar dor e sofrimentos.

Quantas vezes a pessoa diz que não tem cabeça para aprender matemática, por exemplo. Se essa pessoa precisar fazer um raciocínio e pegar um livro de matemática, vai ser um abrir de boca, uma sonolência, olhos moles e nada entende e isso vai continuar até que essa pessoa mude o seu modo de pensar dizendo, por exemplo: de hoje em diante vou aprender matemática, custe o que custar. Vou procurar professor particular, mas vou aprender matemática.

Outras pessoas vivem dizendo que são infelizes, que sua vida não vale nada, que o Deus de que tanto falam as pessoas se esqueceu delas e que tudo é uma ilusão. Se essas afirmações negativas forem ditas com certa freqüência e se a pessoa que as diz acreditar que isso é uma realidade, na certa o futuro dessa pessoa, que já não está bom no momento em virtude de passado errado, vai ficar pior no dia de amanhã, porque quem planta colhe.

O ideal na vida é cada um elaborar seu ideal de vida e procurar viver o segundo que passa e que tem a duração de uma piscadela do melhor modo que lhe for possível, amando aquilo que faz e fazendo com alegria. Colocar esse amor em tudo que fizer. Se vai lavar uma louça, cante uma melodia alegre, construtiva e imagine-se como o melhor lavador de louça de sua casa. Fazer o mesmo ao varrer uma casa, ao tomar um banho, ao conversar com o vizinho, ao dirigir-se a uma pessoa, em tudo por tudo.

Assim procedendo, o segundo seguinte, aquele que vai acontecendo, na certa será melhor do que o segundo anterior e assim a pessoa vai indo, caminhando, procurando somente plantar em seu caminho a boa semente. A razão pela qual isso deve ser feito com a maior naturalidade, é porque existem Leis Naturais, Comuns e Imutáveis, instituídas pela Inteligência Universal, Grande Foco, Vida do Universo, que é muito conhecido pelo nome de Deus. Essas Leis abrangem todos os habitantes da Terra e de outros mundos e abrangem o próprio Deus que as criou.

Como todos os seres humanos são dotados de livre-arbítrio, isso é, pode fazer ou não fazer, ir ou não ir, acreditar ou não acreditar, o ser humano tem toda a liberdade e todo o direito de fazer o que bem entender. Se quiser roubar, se quiser prostituir-se, se quiser falar mal dos outros, etc. é um direito dele. No entanto, existe uma lei chamada de Atração e Repulsão, que diz que PENSAR É ATRAIR e essa Lei não falha. Aí está o perigo, porque a pessoa, ao manter uma idéia negativa em sua mente por muito tempo, ela está, na certa, atraindo para si aquela mensagem negativa, sabendo ou não disso, querendo ou não.

Na hora de uma dor, é lembrar-se de que não existe nenhum efeito que não tenha uma causa e essa causa pode ser orgânica. Comeu muito e está doente, mas essa causa pode estar longe, numa atitude negativa feita há muito tempo e que não foi ainda reparada.

É em nosso pensamento que está a semente para uma vida feliz, próspera e humana, porque devemos sempre estar atentos e, se cometermos um erro grave, é procurarmos lembrar dessas Leis e praticar boas ações, a fim de zerar a dívida contraída.

Setembro 2006

 

Página Principal da Gazeta  | Página anterior

Gazeta do Racionalismo Cristão - Uma filosofia para o nosso tempo