Teste de conhecimentos da doutrina racionalista cristã

76. Como devemos proceder diante de erros cometidos por terceiros?

Se o erro foi cometido por uma criança, os responsáveis pela educação dela devem mostrar, carinhosamente, que errou e quais as conseqüências que podem advir. Se persistir no mesmo erro, deve ser castigada (nunca com violência).

Vindo de um adulto, tentar mostrar-lhe o erro, sem críticas ou acusações, fazendo-lhe notar as conseqüências, que podem atingir ele próprio ou outros. Se você foi prejudicado, solicitar a reparação, pois não devemos aceitar prejuízos, materiais ou não, que possam afetar nossa família. Se houver o reparo, além de proteger nosso patrimônio (material ou moral) ainda teremos ajudado quem errou, pois, pela Lei de Causa e Efeito, não estará levando um débito para saldar, nesta ou em outra encarnação.

Em todos os casos, ter sempre em mente que errar é comum e compreensível neste mundo-escola.

 

Página Principal da Gazeta  | Página anterior

Gazeta do Racionalismo Cristão - Uma filosofia para o nosso tempo