gazeta2.jpg (8041 bytes)

Somos naturalmente atrativos como um ímã

Luiz Hamilton Menossi

Pensar é atrair! Tudo que acontece ao nosso redor foi atraído por nós mesmos. Foi atraído pelos pensamentos e pelas imagens que mantemos na nossa mente.

O modo mais simples de se entender tudo isso é imaginarmo-nos a nós mesmos como um ímã. Pensar e imaginar é atrair. E construir, realizar!

Somos – material e espiritualmente – naturalmente atrativos como um ímã. O Racionalismo Cristão diz que semelhantes se atraem pelos pensamentos e sentimentos, através de correntes que se cruzam em todas as direções.

A nossa natureza, como seres humanos, é principamente pensar. Irradiar, atrair, e realizar!

Exercemos uma das leis mais poderosas do universo: PENSAR É ATRAIR. Nós ATRAÍMOS e REALIZAMOS aquilo no qual nós mais pensamos. E esse princípio pode ser assim resumido:

PENSAMENTOS SE TORNAM COISAS. E mais: muitas pessoas não percebem que pensamentos têm uma frequência. Todo pensamento tem uma frequência. Podemos medir um pensamento. Então se nós pensamos na mesma coisa por várias e várias vezes, se mantemos aquela imagem na cabeça: aquele pensamento, aquele sentimento, aquele desejo, o que imaginamos e emitimos numa determinada frequência consistentemente, acabamos atraindo. Pensamentos emitem um sinal magnético que atrai um "objeto" semelhante até nós. Ou seja, aquilo que mais imaginarmos e pensarmos nós atrairemos.

O livro Racionalismo Cristão diz: "Conforme o ser pensar assim será", no que quer que nós nos concentremos. Se pensamos uma situação negativa, atraímos, portanto, mais dessa mesma situação.

Portanto, se formos positivos nos nossos pensamentos e sentimentos, assim nós tendemos a atrair pessoas, eventos e circunstâncias positivistas. Se nós formos negativos, nós tendemos a atrair pessoas, eventos e circunstâncias negativistas. O livro Racionalismo Cristão nos ensina – dentre outras coisas muito importantes para o nosso desenvolvimento – a pensar e a agir a nosso favor e a materializar bem os nossos pensamentos e sentimentos. Aproveite...

Dezembro 2008

 

Página Principal da Gazeta  | Página anterior

Gazeta do Racionalismo Cristão - Uma filosofia para o nosso tempo