gazeta2.jpg (8041 bytes)

Força e Matéria

Se as janelas internas de nosso espírito, que são os pensamentos e os sentimentos, e as janelas externas, que são os cinco sentidos, flutuarem ao sabor dos ventos, vai haver um congestionamento desses cordões fluídicos e o espírito e o corpo físico vão sentir os resultados negativos...

Foi muito feliz a doutrina do Racionalismo Cristão ao explicar tudo que existe no Universo com base nos dois elementos: FORÇA E MATÉRIA.

No nosso Planeta Terra, a Matéria é muito conhecida e pode ser vista, tocada, apalpada e cheirada por qualquer um. No caso específico do ser humano, a matéria é o seu corpo físico.

A Força, logo que começa a evoluir no Planeta Terra em forma humana, recebe o nome de espírito, invisível para muitos, mas tão real quanto à matéria física.

O que poucos sabem é que esses dois elementos, Força e Matéria, constituem também a base de tudo que existe no Universo fora da Terra.

No Universo, a Matéria é imponderável, fluídica e invisível para muitos, mas existe interpenetrando tudo, não havendo um único ponto vazio. É o elemento plasmável em seu estado primário, original.

A Força continua sendo o espírito com origem no GRANDE FOCO DE LUZ e é nessa partícula da INTELIGÊNCIA UNIVERSAL que residem todas as faculdades como sabedoria, intuição, percepção, bem como todo Bem e todo Mal que essa partícula tenha cometido a partir do momento em que recebeu o nome de Espírito, quando ficou responsável pela sua evolução.

Quando essa partícula adquire, através de um longo caminhar, grande conhecimento espiritual, ela se serve da Matéria Fluídica que enche todo o Universo e com ela realiza os incontáveis fenômenos que forem necessários, tudo em obediência às leis naturais que tudo regem.

Tudo que existe na Terra pode ser considerado uma metamorfose do que existe fora da Terra e, com o tempo, desintegra-se e volta a ser Matéria Fluídica em seu estado original.

Razão teve Lavoisier ao afirmar que na natureza nada se perde, nada se cria, tudo se transforma.

Torna-se muito importante mesmo o ser humano descobrir que o espírito tem também seu corpo, que é fluídico, imponderável e com o qual poderá fazer-se presente em um Planeta Escola, como a Terra, se necessário for. É nesse corpo fluídico, também denominado corpo anímico, corpo astral, perispírito, e mais conhecido por subconsciente, que fica armazenado o patrimônio de cada espírito desde o seu aparecimento na Terra.

É ainda importante salientar que é esse corpo fluídico que serve de ligação entre o espírito e o corpo físico, e vice-versa, e essa ligação é feita por meio de cordões fluídicos e por vibração do espírito.

Agora fica fácil entender porque existe a sábia frase: "Mente sã em Corpo são" e o porquê disso vem a seguir.

Se as janelas internas de nosso espírito, que são os pensamentos e os sentimentos, e as janelas externas, que são os cinco sentidos, flutuarem ao sabor dos ventos, vai haver um congestionamento desses cordões fluídicos e o espírito e o corpo físico vão sentir os resultados negativos: stress, dores de cabeça, câncer, angústia, medo, depressão, indolência e uma infinidade de outros males que podem conduzir o ser humano a um tremendo sofrimento e até à morte prematura.

Vale a pena aprender e valorizar a arte de viver, de uma maneira simples, inteligente, consciente e racional, com o que a cruz de cada um vira uma cruzeta muito fácil de carregar.

Aquiles Moisés dos Santos
Belo Horizonte, 21 de abril de 2002

 

Página Principal da Gazeta  | Página anterior

Gazeta do Racionalismo Cristão - Uma filosofia para o nosso tempo